Orquestra Sinfônica Brasileira
Lee Mills, regência
Peter Steiner, trombone

Dono de uma técnica descrita como “belamente controlada”, o trombonista italiano Peter Steiner é reconhecido mundialmente como “a nova estrela do trombone de sua geração”. Steiner tem realizado apresentações ao lado de prestigiosos conjuntos, bem como recitais solo ao redor do mundo. Aos 23 anos, Peter Steiner foi apontado como trombonista da Vienna State Opera e da Filarmônica de Viena, tendo ocupado, antes disso, a posição de trombonista na Colorado Symphony. Steiner tem se apresentado ao lado de orquestras de renome, tais como a Filarmônica de Munique, a Staatskapee Dresden, a Filarmônica de nova Iorque e a BBC Scottish Symphony Orchestra.


PROGRAMA


César Guerra-Peixe
Assimilações
-Obsessão
-Ansiedade
-Euforia

Derek Bourgeoise
Concerto para Trombone
-Allegro
-Adagio
-Presto

[INTERVALO]

Robert Schumann
Sinfonia Nº 4, em Ré Menor Op. 120
-Ziemlich langsam – Lebhaft
-Romanze: Ziemlich langsam
-Scherzo – Lebhaft
-Langsam – Lebhaft
Patrocínio
Screen Shot 2018-02-08 at 18.02.28

Ingressos à venda em breve na bilheteria da Sala Cecília Meireles ou através do site www.ingressorapido.com.br